Doenças de pele: o que é a psoríase e qual o melhor tratamento?

psoríase é uma doença de pele muito comum (2 a 4% da população), mas que nem sempre é encarada com à vontade por parte dos pacientes.

As lesões típicas de psoríase são as placas avermelhadas e cobertas de escamas espessas, mas numa fase inicial os sintomas não são muito visíveis. Assim, muitos dos doentes começam por ter manchas na pele, mas não reconhecem como um sintoma de psoríase, e associam estas pequenas manchas na pele a outros factores, como o sol, por exemplo.

Psoríase: quais os sintomas mais comuns desta doença de pele?

psoríaseUm dos principais e mais comuns sintomas da psoríase são as placas na pele. Começam por ser pequenas manchas na pele, difíceis até de identificar, mas que vão aumentando, em quantidade, dimensão e espessura, tornando-se cada vez mais escamosas.

Outros dos frequentes sintomas de psoríase é o aparecimento de lesões semelhantes, associadas a algum grau de comichão, no couro cabeludo.

É normal que, em mais de 50% dos casos de psoríase, as lesões da psoríase provoquem comichão. O local afectado por esta doença de pele fica livre de pelo, mas que volta a crescer uma vez resolvida a mesma.

A psoríase é uma doença de pele, e, sendo a pele o maior órgão do corpo humano, é normal que se manifeste em várias partes do corpo. As partes do corpo mais afetadas pela psoríase são o couro cabeludo, os cotovelos, os joelhos, as costas, as nádegas, as unhas, as sobrancelhas, as axilas, o umbigo e as pernas.

No couro cabeludo, a psoríase manifesta-se através de escamas brancas e espessas, que ficam muito agarradas ao couro cabeludo e aos folículos dos cabelos, assemelhando-se, em aspecto e em dimensão, à caspa.

O local afectado por esta doença de pele costuma ficar avermelhado e a zona do couro cabeludo afectada perde algum cabelo.

Doenças de pele: como se manifesta a psoríase nas crianças?

A psoríase, uma das doenças de pele mais comuns, também se manifesta em adolescentes e em crianças. No caso dos adolescentes, esta doença de pele manifesta-se da mesma forma que nos adultos.

Nas crianças mais pequenas, a psoríase manifesta-se de forma distinta: as crianças que ainda usam fralda costumam apresentar os primeiros sinais de psoríase na região de fralda, assemelhando-se a vermelhidão da psoríase aos sintomas do eritema da fralda, como que se de uma assadura se tratasse, podendo posteriormente progredir para outros locais em qualquer localização cutânea..

Doenças de pele: qual o melhor tratamento para a psoríase?

O tratamento da psoríase é diário e contínuo. Para o paciente, muitas vezes é complicado aceitar a doença e entender que é necessário um tratamento constante desta doença de pele para que os sintomas não piorem e a doença não se manifeste de forma mais acentuada. O paciente tem de “aprender” a conhecer e a lidar com a sua doença de pele, reconhecer as fases de agravamento de forma precoce para, através de uma intervenção tão rápida quanto possível, travar e “abortar” os seus surtos de agravamento.

Primeiro, é necessário abolir mitos associados à psoríase, como «a psoríase transmite-se através de contacto físico» ou «pode ficar com psoríase se usar alguma peça de roupa de uma pessoa com psoríase». Mitos, apenas mitos e nada mais!

O tratamento diário permite uma melhoraria e mesmo a remissão das manchas na pele que um doente com psoríase tem. O tratamento de psoríase pretende controlar os seus sintomas. Assim, o paciente com psoríase tem à sua disposição um leque de terapêuticas que passam por medicação biológica injectável, o uso de medicamentos em forma de comprimidos, cremes, pomadas, loções, shampoos e medidas gerais de higiene e hidratação da pele. Por vezes, é necessário alterar alguns hábitos da alimentação do paciente.

Procura tratamento para a psoríase? Contacte-nos através do 213 714 116 ou do geral@derme.pt

Nota: Este artigo foi originalmente publicado a 28 de Janeiro de 2014. O seu conteúdo foi actualizado.

5 comentários a “Doenças de pele: o que é a psoríase e qual o melhor tratamento?

  1. Pingback: Viver com psoriase é tratar em contínuo uma particularidade

  2. Pingback: Livre-se da psoríase e recupere auto-estima com ajuda de tratamentos

  3. Pingback: Tratamento da psoríase: conhece os sintomas?

  4. Pingback: Psoríase: qual o tratamento mais eficaz?

  5. Pingback: Novas esperanças para quem sofre de psoríase

Os comentários estão fechados.